Projetos na vida – parte 1: Seguindo em Frente

Gerenciar um projeto é acompanhar seu progresso   Esta é uma forma simplista de se definir o que é acompanhar resultados, motivar equipes e prestar contas, mas pelo menos deve ser a tônica das ações dos gerentes e coordenadores de equipes do projeto. Nada que seja difícil de entender ou concordar.   Partindo deste ponto de vista, para explicar o que significa acompanhar o progresso de um projeto, basta destacar cinco importantes ações:   1) aprimorar o desempenho dos grupos de trabalho  2) concluir as pendências e tarefas conflitantes  3) certificar o total uso dos recursos (materiais e humanos)  4) obedecer aos prazos, respeitadas as prioridades  5) checar a eficácia e a eficiência (que todos sabem não são a mesma coisa)   Se lidos na ordem inversa ou aleatória percebe-se o quanto uma ação está ligada a outra. Então isto comprova que cada uma delas é essencial para o progresso do projeto, haja vista que progresso = crescimento, evolução, desenvolvimento, alcance de objetivos, autossuficiência.   Em se tratando de projeto de implantação de sistemas integrados o progresso não é atingido simplesmente com uma fase em específico, mas cada fase na sua vez. Assim como "entregar" o projeto não quer dizer que o progresso tenha sido atingido. Por isso tudo tem de ser bem medido e pesado com vistas à satisfação do cliente e/ou do usuário final. Isto equivale a dizer que o progresso do projeto vai além do produto entregue.   Neste caso em estudo - o projeto na empresa - nota-se que ocorreram e ocorrem atropelos porque as ações acima não são cumpridas à risca, em grande parte pelo lado da empresa integradora de sistemas, ou seja, a consultoria responsável pela gerência do projeto. Assumir que o projeto sempre foi mal gerenciado é algo que nunca foi estritamente necessário, pois é só tentar observar algum progresso e ver que não existe, claro, sob a ótica das ações aqui destacadas.   Quer entender como? Releia cada item e em seguida leia o correspondente abaixo.   1) muito grupos de trabalho foram reformulados no meio do processo, tanto pela troca de consultores quanto de usuários-chave   2) pendências nem sempre são concluídas mas sim substituídas ou esquecidas, dadas as diversas mudanças de propostas   3) vários são os casos comprovados de consultores e usuários mal aproveitados, que na verdades 'so ocuparam espaços   4) nem uma coisa nem outra, os prazos foram suplantados e subestimados independente de haver prioridades a atender   5) eficiência no que se refere a implementar soluções propostas sim, mas com eficácia não, pelo mesmo motivo do item anterior.   E pra melhor ilustrar pode-se avaliar o progresso de um projeto através da seguinte esquematização:   Fase = metas de implantação Recursos = profissionais + equipamentos Tempo = término do projeto Desafio:

Planejar, iniciar, executar e concluir o projeto, coordenado-o

na linha do tempo.


1 visualização

Textos Publicados

Receba notificações de novas postagens
  • Instagram
  • Facebook ícone social
  • Pinterest ícone social

© 2020 - Blog Autoral de José Neto