Não me sinto encarcerado porque não me criminalizo

Nem dá pra comparar qualquer tipo de sofrimento. É fato que todo mundo carrega suas cruzes. Cada um sabe o peso de suas escolhas e suas renúncias. E sempre acaba sendo equivocado se qualquer um de nós tentarmos comparar a cruz que carrega, se mais ou menos pesada, se maior ou menor que a do outro, enfim... Normalmente a gente se penitencia pelos nossos pecados e lamenta os pecados alheios. "Tanto faz o lixo de quem nada ostenta como tanto faz o tesouro por quem não o detém. Há persistir os sintomas, chegará o dia em que tudo que for importante, será tão urgente quanto aquilo que for prioritário. Será quando o entulho de um futuro desconhecido poderá ser mais óbvio do que um abismo no horizonte imaginário." Este trecho é um pensamento abstrato que recorri um dia desses pra tentar definir as escolhas das pessoas. Em vão! Porque me lembrei deste pequeno texto e fiquei confuso com a força da expressão, mais poética do que realista. Bom, não quero cansar ninguém com minhas divagações, no entanto quero expressar o quanto espero ver o deixa aliviado, possivelmente, superando tantos obstáculos e reconstruindo seu sossego.  Meu coração está apertado desde ontem, fui dormir com sua imagem na minha mente, desejando acordar com uma visão de um sorriso seu, com uma expressão de leveza, mesmo sabendo que todo esse desejo é remoto, dada nossa ausência física. Mas ainda afirmo que é forte a batida no coração quando me vem toda e qualquer lembrança. Vou insistir numa reflexão que escrevi, aproveitando um artigo que li, e aqui transcrevo pra lhe desejar futuros dias renovadores e espero que sinta alguma verdade e franqueza nestas palavras. "Dos sentimentos a racionalização, já perdemos consideravelmente; E, entre o que pensamos e o que falamos, perdemos ainda mais. Só o amor pode dispensar o esforço de TER que encontrar as palavras. Ele  capita o sentimento, ainda confuso, diretamente no coração. É por isso que ninguém consegue mentir para a mãe olhando em seus olhos. O amor que a mãe nutre pelo filho, faz a magica de capta o sentimento diretamente na fonte. O amor dispensa as palavras e a racionalização. Pois desenvolve uma linguagem sensorial de comunicação." Nunca entendi para quê servia essa "nossa" habilidade. E hoje entendo menos ainda. É como se recebêssemos um tesouro que para nada serve, a não ser ficar guardado em um cofre. Acredito sempre ter respeitado o motivo de suas escolhas. Mas isso não serviu para mudar minha realidade e minha fragilidade diante deste mundo tão cruel. Lembrei-me também de outra frase de um Padre: "Quando um  dia o amor lhe olhar nos olhos e lhe provocar a sensação de ter sido devolvido a si mesmo, nunca mais precisar de outros olhos." Os mistérios do universo nos conectam se a gente perceber como, quando e por quê.

Enquanto você escreve ao final da sua mensagem:

 -Perdoe-me por aprendido a viver longe de você.


Respondo que te perdoar por qualquer falha que possa ter cometido seja talvez apenas algo assim como um sinal dos ventos.

3 visualizações

Textos Publicados

Receba notificações de novas postagens
  • Instagram
  • Facebook ícone social
  • Pinterest ícone social

© 2020 - Blog Autoral de José Neto