Espelho invisível do próprio do ser

Aprender a seguir com coragem, fazendo o que precisa ser feito, com alegria, disposição e esperança.


Ainda que exista dor ou incerteza, que tenha de aceitar o que sou,  como estou, do que posso ter e seguir com o que tenho.


Sabendo que se não mudar o curso, é provável ainda não estar pronto.


Entre uma lágrima e um sorriso, realizando o que precisa estar pronto.


Sempre que precisar de um espelho, para dar aquela boa olhada extra, recolher-me, e só olhar pra dentro, onde possa não me sentir esquecido, chamando o "você" que mora em mim.


E então querer e conseguir ver o reflexo da própria imagem virtual que lhe atinge, o inevitável, o imponderável, o aceitável.


Aquilo que está dentro de si, mas que não se pode enxergar se não olhar no próprio espelho.


O espelho do próprio ser O reflexo do que de pode ser O ser que em si mesmo pode crer.

16 visualizações

Textos Publicados

Receba notificações de novas postagens
  • Instagram
  • Facebook ícone social
  • Pinterest ícone social

© 2020 - Blog Autoral de José Neto